PERFIL DE SENSIBILIDADE DE GERMES CAUSADORES DE PIELONEFRITE NA

ENFERMARIA DE PEDIATRIA INTRODUÇÃO Pielonefrite constitui uma das principais infecções bacterianas da infância. Diagnóstico e tratamento adequados são fundamentais já que podem mudar curso da doença aguda e diminuir risco de cicatrizes renais futuras.

OBJETIVO O presente estudo objetivou conhecer o perfil de sensibilidade dos germes resgatados em uroculturas de pacientes pediátricos com diagnóstico de pielonefrite internados em enfermaria pediátrica.

METODOLOGIA Estudo retrospectivo, descritivo e analítico, referente a um ano de internações em uma unidade pediátrica de cuidados hospitalares. Foram levantados os casos de pielonefrite devidamente registrados em livro de controle de internação que obtiveram isolamento de seus germes causadores.

RESULTADOS A amostra foi de 23 casos perfazendo 2% das internações registradas neste período, sendo 69,6% do sexo feminino, idade mínima de 15 dias e máxima de seis anos e seis meses. 70% dos registros aconteceu nos meses de outono/inverno. Os germes isolados foram Escherichia coli em 70%, Proteus 13%, Enterobacter aglomerans e Klebsiella sp em 8,7% cada. 75% das infecções por E. coli aconteceu no sexo feminino enquanto apenas 25% no masculino. Não houve diferença estatisticamente significativa para idade (p=0,602) ou sexo (p=0,393) com relação ao tipo de germe isolado. Quanto à sensibilidade dos germes encontramos Amicacina sensível em 95,2% dos casos (n=21) e não testada em 8,5%; Ampicilina não testada em 34,7% e sensível em 8,7% (n=15); Amoxacilina/Ácido Clavulânico se revelou sensível em 80,9%, intermediário em 4,7% e resistente em 14,2% das 21 uroculturas testadas. Sobre a Cefalexina, testada em 12 dos 23 exames, 83,3% se revelou sensível e 16,6% intermediário. Ceftriaxona foi sensível em 81,8% e resistente em 18,1%, de 22 uroculturas. Gentamicina foi sensível em 92,8% e resistente em 7,1% de 14. Quanto a Sulfazotrim, 40% das 20 amostras testadas mostrou resistência. n = 23

30,40%

95,2% Masculino

69,60%

81,0%

Feminino

92,9%

83,3%

86,7%

81,8%

60,0%

Gráfico1. Distribuição segundo sexo.

40,0% 80% 70% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0%

16,7% 13,0%

13,3% 4,8% 0,0% 0,0%

4,8%

0,0%

18,2% 0,0%

7,1% 0,0%

0,0%

70,0%

13,0%

8,7%

8,7%

Sensível

Intermediário

Resitente

Gráfico3. Sensibilidade dos Germes Isolados aos antibióticos Gráfico2. Distribuição por frequência dos Germes Isolados

CONCLUSÃO O presente estudo revelou, concordando com a literatura, E. coli como principal agente e aminoglicosídeos como opção segura para tratamento empírico da Pielonefrite na faixa etária pediátrica.

Banner PERFIL DE SENSIBILIDADE DE GERMES CAUSADORES DE ...

Banner PERFIL DE SENSIBILIDADE DE GERMES CAUSADORES DE PIELONEFRITE Santa Casa.pdf. Banner PERFIL DE SENSIBILIDADE DE GERMES ...

470KB Sizes 4 Downloads 356 Views

Recommend Documents

PROGRAMA_ENCUENTRO REGIONAL DE EDUCADORES DE ...
Acto de clausura y entrega de constancias. Page 3 of 3. PROGRAMA_ENCUENTRO REGIONAL DE EDUCADORES DE MIGRANTES_10.11.2016_EIA.pdf.

tabla-de-factores-de-conversion-de-unidades.pdf
There was a problem previewing this document. Retrying... Download. Connect more apps... Try one of the apps below to open or edit this item.

Directorio de Responsables de la CS de IES.pdf
There was a problem loading more pages. Retrying... Whoops! There was a problem previewing this document. Retrying... Download. Connect more apps.

lista-de-graduados-28-de-abril-de-2017 Resolucion Resolucion.pdf ...
2 BERMUDEZ MORALES EDINSON RAFAEL 1118843762 RIOHACHA. 3 BRITO ... 1 AGUILAR MOSCOTE MILEINIS DEL CARMEN 1118838646 RIOHACHA.

Cao1998-A-Cahiers de Geographie de Quebec-Espace social de ...
Cao1998-A-Cahiers de Geographie de Quebec-Espace social de Quebec.pdf. Cao1998-A-Cahiers de Geographie de Quebec-Espace social de Quebec.pdf.

Politica de privacidad en Internet de POLIMADERAS DE COLOMBIA ...
Politica de privacidad en Internet de POLIMADERAS DE COLOMBIA.pdf. Politica de privacidad en Internet de POLIMADERAS DE COLOMBIA.pdf. Open. Extract.

tabla-de-factores-de-conversion-de-unidades.pdf
There was a problem loading more pages. Retrying... tabla-de-factores-de-conversion-de-unidades.pdf. tabla-de-factores-de-conversion-de-unidades.pdf. Open.

02 estudo-de-viabilidade-de-sistemas-de-informa.pdf
02 estudo-de-viabilidade-de-sistemas-de-informa.pdf. 02 estudo-de-viabilidade-de-sistemas-de-informa.pdf. Open. Extract. Open with. Sign In. Main menu.

transformada de place de la delta de dirac.pdf
... loading more pages. Whoops! There was a problem previewing this document. Retrying... Download. Connect more apps... Try one of the apps below to open or edit this item. transformada de place de la delta de dirac.pdf. transformada de place de la

CRITERIS DE VELA de 1r.pdf
CRITERIS DE VELA de 1r.pdf. CRITERIS DE VELA de 1r.pdf. Open. Extract. Open with. Sign In. Main menu. Displaying CRITERIS DE VELA de 1r.pdf.

Guia de Honorario de Individual.pdf
Asked before SOTU address. Favor Oppose. Immigration 61% 39%. Jobs and the. economy 77% 23%. Handling North. Korea 61% 39%. Infrastructure, roads,. and bridges 80% 20%. 3. Whoops! There was a problem loading this page. Retrying... Guia de Honorario d

FORMULARIO-ACTA-DE-ENTREGA-RECEPCION-DE-DESECHOS ...
Charles Darwin y 12 de Febrero - Telf. .... Charles Darwin y 12 de Febrero - Telf. ... -DE-ENTREGA-RECEPCION-DE-DESECHOS-DE-EMBARCACIONES.pdf.

CATASTRO DE EXPORTADORES HABITUALES DE BIENES.pdf ...
Page 3 of 33. CATASTRO DE EXPORTADORES HABITUALES DE BIENES.pdf. CATASTRO DE EXPORTADORES HABITUALES DE BIENES.pdf. Open. Extract.